O que é cromoterapia

Cromoterapia: o que é, como funciona e quais cores usar?

Dentre as diversas terapias holísticas que têm se utilizado nos últimos tempos, a cromoterapia é uma das mais acessíveis e simples de ser praticada. Na verdade, nós já a exercitamos sem perceber. Isso acontece porque as diferentes cores a que estamos expostos influenciam a nossa vida através das emoções. 

Um dia de inverno cinzento, por exemplo, pode nos fazer sentir tristes e nos levar a escolher uma roupa preta para vestir. Por outro lado, um dia ensolarado de verão estimula o bem-estar e a nossa alegria de viver, levando-nos a vestir uma roupa branca ou amarela.

 

O que é a Cromoterapia?

A cromoterapia funciona como uma terapia alternativa que recorre às cores para devolver ao corpo, mente e espírito o seu equilíbrio natural. Ou seja, cada cor tem um função específica para a terapia funcionar, atuando em um Chakra, ou algum órgão do corpo.

Alguns estudos mostram que a Cromoterapia pode ter suas raízes na Ayurveda, uma especialidade médica praticada na Índia há milhares de anos e que associava as cores aos Chakras. 

Segundo essa terapia, temos 7 pontos espirituais no nosso corpo, localizados ao longo da coluna, chamados de chakra, e cada um corresponde a um órgão e cada órgão a uma cor. Então, se existe algum desequilíbrio ou doença, o chakra é afetado e você precisaria da cor dominante daquele chakra para devolver a saúde e bem-estar ao paciente. 

Sendo assim, você pode entender cada cor e seus chakras, com os respectivos órgãos:

  • Vermelho faz parte do Chakra da Raiz ou Básico, que pertencem aos rins, bexiga e espinal-medula.
  • Laranja é o Chakra do Sacro ou Sexual, pertencente aos órgãos sexuais, útero, ovários, próstata.
  • Amarelo faz ligação ao Chakra do Plexo Solar, sendo eles o baço, fígado, estômago, vesícula biliar.
  • Verde é o Chakra do Coração ou Cardíaco, o que pertence ao coração, pulmões, fígado e sistema circulatório.
  • Azul é o Chakra da Garganta ou Laríngeo, fazendo ligação com a garganta e pulmões.
  • Índigo faz ligação com o Chakra do Terceiro Olho ou Frontal, que pertence ao sistema nervoso.
  • Violeta é o Chakra da Coroa ou Coronal, ligados ao cérebro superior e olho direito.

 

Como funciona a Cromoterapia? 

A Cromoterapia utiliza a cor e a luz para equilibrar as energias do corpo, sejam elas físicas, mentais, espirituais ou emocionais. Você é exposto à luz e às cores que se transformam em frequências vibracionais ou energias que a visão e, consequentemente, o cérebro interpretando de forma específica. 

A terapia é feita através de aparelhos que emitem luz de diferentes cores, sendo que essa luz pode ser emitida diretamente na pele ou a pessoa pode ficar em contato com a luz dentro de uma sala fechada, podendo estar deitada ou sentada. 

A escolha da dor depende da indicação do terapeuta, mas as cores mais utilizadas são vermelho, laranja e amarelo. Essas cores podem ser classificadas como quentes, que são estimulantes. 

É possível utilizar a cromoterapia com a luz azul em recém-nascidos com icterícia e em pessoas que tenham feridas infectadas. Além disso, o uso da luz rosa pode auxiliar no tratamento de pessoas com depressão, pois ajuda a aumentar algumas substâncias que melhoram o humor, como serotonina.

Cada cor atrai um tipo de energia fundamental para o funcionamento de nosso organismo. O ideal é que cada emoção ou parte do corpo seja trabalhada com um tipo específico de cor, de acordo com a necessidade de cada uma. Assim, tanto o aspecto emocional quanto a parte física podem sair do desequilíbrio e voltar a funcionar de maneira natural. 

 

Quais os benefícios da Cromoterapia?

Existem diversos problemas de saúde que se podem aplicar a cromoterapia para auxílio do tratamento, como febre, insônia, diabetes, doenças psiquiátricas, hipertensão, transtorno afetivo sazonal, feridas e doenças articulares e cardíacas. Essa terapia, no entanto, deve ser usada como prática complementar, não devendo substituir o tratamento convencional indicado pelo médico.

Além de tratar sintomas, é possível também utilizar a cromoterapia para a melhora do bem-estar físico e mental, diminuição do cansaço físico e estimulação do Sistema Nervoso Central. Ela também é indicada para complementar outras terapias, como Aromaterapia, Hidroterapia, Reiki, Feng Shui, Radiestesia, Essências Florais e a Cristaloterapia, podendo potencializar os efeitos e resultados na saúde do paciente. 

 

Quais são as cores?

Existe uma variedade de tonalidade de cores, mas nós reagimos às sete cores primárias, que são as utilizadas na Cromoterapia. Em alguns casos específicos, e com base no paciente, é possível mudar a intensidade ou tom da cor escolhida. 

Em geral, as cores quentes (vermelhos, laranjas e amarelos) provocam sensações de excitação e de energia, enquanto as cores frias (azuis, verdes e roxos) produzem sensações de relaxamento e tranquilidade. As sete cores funcionam da seguinte maneira:

  1. Vermelho: tem um efeito excitante, estimulante e vitalizante, atraindo a energia. Como ela é a cor mais poderosa, é preciso utilizá-la com precaução.
  2. Laranja: tem um efeito alegre e anti-depressivo, revitaliza e rejuvenesce.
  3. Amarelo: contém energias positivas e inspiradoras, estimula a atividade mental, promovendo a criatividade, o raciocínio e o optimismo. 
  4. Verde: promove o equilíbrio entre as energias positivas e negativas, incitando à harmonia e serenidade. Tem um efeito refrescante e tranquilizador, provoca a sensação de conforto e de bem-estar geral, ou seja, é uma cor completa, que abrange corpo, mente e espírito.
  5. Azul: é considerada a cor mais curativa de todas, devido ao seu efeito altamente relaxante, apaziguador e sedativo, estimula sensações de paz e é muito potente na devolução da clareza mental.
  6. Anil: ligado às artes e à beleza, eleva a mente, incita aos estados de calma e de serenidade, estimulando ainda as energias criativas.
  7. Violeta: provoca sensações de liberdade, mas também de equilíbrio e de estabilidade, incitando à meditação e à recuperação da auto-estima. 

 

Curso de Cromoterapia da Academia Brasileira de Terapias

Se você tem interesse em se especializar na terapia das cores, a Academia Brasileira de Terapias criou um curso completo para você, com certificado reconhecido pela ABRATH - entidade regulamentadora dos terapeutas no Brasil. 

Essa é a sua oportunidade de mudar de profissão ou complementar a que já exerce para auxiliar diversas pessoas a encontrarem bem-estar, qualidade de vida e felicidade.

Clique aqui para saber mais!